Dica de filme: Closer - Perto Demais

Título original: Closer
Lançamento: 2004 (EUA)
Direção:  Mike Nichols
Atores: Natalie Portman, Julia Roberts, Jude Law, Clive Owen
Duração: 100 min
Gênero: Drama
Sinopse: Anna é uma fotógrafa bem sucedida que conhece e seduz Dan Woolf, um jornalista sem sucesso tentando lançar um livro, os dois acabam tendo um rápido envolvimento. A seguir, Anna conhece Larry Gray de uma forma um tanto inusitada, e, mais tarde, se casa com ele. Dan mantém um caso com Anna mesmo depois de seu casamento e usa a misteriosa Alice, uma stripper, como sua musa inspiradora, sem saber que Alice carrega diversos segredos ainda não revelados.
Minha Opinião:  É o meu filme preferido, sem tirar nem por. Ele é denso, sincero, chega até a ser cruel em algumas partes... É um filme muito forte, não tem sinopse no mundo que consiga descrever e cada cena tem seu encanto: desde a Alice encontrando o Dan no meio da multidão até a última cena, em que o diretor deixa claro (pelo menos pra mim) que a pessoa que tem mais chance de ser feliz no filme é a Alice. Ah, Alice, a encantadora Alice.. Creio que ela é a personagem preferida de muita gente que viu o filme, Natalie Portman deu um show de atuação! O filme não é cheio de baques, sustos e suspenses, mas te envolve no começo ao fim com uma trilha sonora incrível e diálogos cortantes, marcantes mesmo... É o tipo de filme que não tem essa de amar ou não, na verdade é uma questão de sentir.
Crítica: Closer Perto – Demais é uma aula dramática. Uma aula sobre a vida, sobre amor e sobre como o ser humano é fraco em uma relação romântica. Não me lembro de qualquer outro filme que tenha tocado minha alma na cena de abertura ou de forma tão rapida. Não sei se foi o olhar dos personagens, se foi a música magistralmente colocada no lugar e na hora certa, ou se eu estava num dia mais “doce”. Mas, a verdade é que o filme não é para quem gosta de romance. Closer Perto – Demais é para quem gosta de viver. Para quem gosta de amar.
É dificil saber o que elogiar se tudo se encaixa tão perfeitamente. A trilha sonora é soberba, a fotografia é deslumbrante, a direção eficiente e os atores impecáveis (Natalie Portman, é o maior destaque). Tudo isso feito com muito sensibilidade e paixão. Eu não era muito fã de Mike Nichols, só havia admirado seu trabalho em A Primeira Noite de um Homem, mas essa produção comprova seu talento. Quando terminei de ver Closer percebi o quanto estou longe de saber o quanto o ser humano pode se emocionar e quanto o cinema pode me surpreender. Se você não soltar uma lágrima no final do filme não se preocupe, existem outros insensíveis por ai. (fonte)
Classificação: SentindoSentindoSentindoSentindoSentindoSentindoSentindoSentindoSentindoSentindo (10/5 e não é exagero, o filme é muito bom mesmo!)

Ah, separei algumas fotos e diálogos do filme, vamos ver?
Alice: É uma mentira: um monte de desconhecidos tristes fotografados com beleza. Todos os imbecis riscos que apreciam a arte dizem que é bonito porque é o que eles querem ver. As pessoas nas fotos são tristes e sozinhas, mas as fotos fazem o lundo parecer bonito, então a exposição é tranquilizadora - mas é uma mentira e todo mundo adora uma boa mentira.

Alice: É o único jeito de deixar: "eu não te amo mais, tchau".
Dan: E se você ainda amar a pessoa?
Alice: Você não deixa.
Dan: Nunca deixou alguém que amava?
Alice: Não.

Alice: Mentir é a maior diversão que uma garota pode ter sem tirar a roupa, mas é melhor se você tirar.

Alice: Você me amou?
Dan: Eu vou te amar sempre, eu odeio te magoar...
Alice: Então por que me magoa?
Dan: Porque eu sou egoísta, eu acho que vou ser mais feliz com ela.
Alice: Não vai! Vai sentir minha falta, ninguém nunca vai te amar como eu te amo! Por que o amor não é suficiente?

Dan: Você é um animal, você acha que o amor é absolutamente simples e que o coração é feito um diagrama.
Larry: Você já viu um coração humano? Ele parece um punho fechado com sangue! Vá pro inferno!

Larry: Eu não posso mentir pra você.
Anna: Por que não?
Larry: Porque eu te amo.

Dan: Eu te amo! 
Alice: Onde? 
Dan: O quê? 
Alice: Me mostra! Cadê esse amor? Eu não o vejo. Não posso tocar nele. Eu não sinto. Eu te ouço, escuto umas palavras... mas não posso fazer nada com suas palavras vazias. 

E pra finalizar, a cena onde tudo começa:


Espero que vocês gostem da minha dica,

beijinhos, 
@beeislost

2 pitaco(s):

Clarinha disse... [Responder comentário]

adorei o poist, com certeza vou ver esse filme, parece ser muito bom !

Bjs
http://maviealeatoire.blogspot.com/

Bee disse... [Responder comentário]

@Clarinha

Sim, ele é realmente muito bom! Mas vou logo avisando: se você gosta de um bom romance a lá "Um amor pra recordar", você não vai gostar de Closer, hahaha

Obrigada pela visita,volte sempre <3

Postar um comentário

Fale o que pensa, comentários são bem vindos, educação também :)